EGRESSO DE PASÁRGADA * Antonio Cabral Filho

575055prestesPra quem quer ir pra Pasárgada

por ser amigo do rei

e ter a mulher que quer

só pra se sentir feliz

levar a vida em aventuras

fazer ginástica

andar de bicicleta

montar em burro brabo

subir em pau-de-sebo

tomar banho de mar

deitar à beira do rio

e mandar vir a Mãe D’água

pra lhe contar “estórias”

que nos tempos de menino

a empregadinha lhe contava,

tem mesmo que ser Mané !

Pra quem quer ter tudo isso

em outra civilização

e ainda procura um jeito seguro

de impedir a concepção

com telefone celular

jetski à vontade

e mulherzinhas de aluguel

pra se abusar a bel-prazer,

não tem mesmo é Bandeira.

E quando se sente bem triste

triste a ponto de morrer

e lá no fundo da noite

deseja se suicidar

e súbito se sente salvo

por ser amigo do rei

ter as mulheres que quer

nas camas que bem entender,

não tem Pasárgada que agüente:

Vai direto mesmo é pro D’aime !!

* Obs.: Egresso de Pasárgada, está publicado no livro POETAS 10engaVETADOS, coletânea que publiquei em companhia de mais nove poetas em 1997.

Um comentário sobre “EGRESSO DE PASÁRGADA * Antonio Cabral Filho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s